Spots & Cities

#Throwback – HomeLovers Porto, desde 2013

O Porto soube chamar a si olhares um pouco de todo o mundo e, no meio de toda esta atenção, a cidade olhou também para si própria.

Lisboa, Porto e Portugal estão, sem dúvida, num good mood. Toda a gente fala de nós. E nós orgulhamo-nos, como nunca, disso.

Como melhor destino europeu para 2017, o Porto está vibrante.

Mas, se os mais desatentos podem achar que se trata de um fenómeno recente, nós, Homelovers, podemos dizer com conhecimento de causa que o Porto está bem e recomenda-se há já vários anos.

Acabados de chegar cá, nos idos de 2013, era no coração da cidade que queríamos estar. A escolha foi a mais óbvia… uma Rua das Flores virada do avesso, amontoada de blocos de granito e vedações que permitiam circular em apenas alguns centímetros. ☺ Apesar do cenário inóspito era ali que acreditávamos que devíamos estar. Era a partir dali que a cidade se estava a reconfigurar. Foi, a partir dali, que a Baixa da Cidade deixou de ser uma realidade circunscrita ao eixo Mouzinho-Flores-Cardosas, e passou a abraçar artérias tão importantes como Sá da Bandeira, Ceuta, José Falcão, Cedofeita ou, mais recentemente, os Poveiros, os Duques, o Bonfim…

© HL®

No ritmo possível, o Porto soube chamar a si olhares um pouco de todo o mundo e, no meio de toda esta atenção, o Porto olhou também para si. Quem ficou vários anos sem cá vir não reconhece as sextas-feiras depois do trabalho pelos Clérigos, os sábados de tarde nas Virtudes, as manhãs de domingo no Parque da Cidade.

Quase a completar quatro anos de Porto, prometemos relatar fielmente a vida que floresce em cada bairro, à medida que a cidade se sente, também ela, cada vez mais viva, mais preenchida, mais capaz de (tão bem) receber e dar o que de melhor tem.

Queremos ajudar na mudança. Sabemos que ela também se faz pelas casas. A casa é, muitas vezes, a razão para que tudo mude.

Aguardem notícias nossas, em breve. Até lá, quem sabe se não nos encontramos numa rua do Porto, em busca de casas únicas? 

Deixar uma resposta