Inside

Deixe o frio lá fora!

Quer queiramos quer não, o Inverno está a chegar. Na HomeLovers Mag, somos apologistas de enfrentar os receios (passar frio é um deles), em vez de estar a aproveitar cegamente os últimos dias de calor, em completa negação. Isto para dizer que somos muito responsáveis e queremos ver-vos quentinhos!

Sabemos que vivemos num clima mediterrâneo, que todos nos elogiam e procuram por causa do bom tempo, mas só quem cá vive é que sabe que em Portugal também se passa frio… daquele que entra nos casacos sem ser convidado e nos enregela até aos ossos! Recolhemos oito dicas, que vão ajudar a tornar a sua casa mais acolhedora e confortável, sem gastar balúrdios em aquecimento. 

1-2.jpg

1. Aprenda a manobrar os seus cortinados

O calor que vem do sol é gratuito, por isso aproveite-o ao máximo. Abra as cortinas e deixe a luz entrar durante o dia. À noite, feche-as – esta também é uma boa forma de ter mais uma camada isoladora entre si e o exterior gélido. E quanto mais espessas forem, melhor, claro.

2. Tenha cuidado com as correntes de ar

Essas malditas vêm, muitas vezes, dos sítios mais improváveis – as caixas de correio, as frestas das janelas e das portas, etc. Ter a casa bem isolada é essencial – faça uma vistoria pormenorizada às potenciais aberturas ou fendas por onde o ar gélido pode entrar, e tente tampá-las ao máximo. Pode usar, por exemplo, borrachas, fitas de calafetar, ou os típicos “chouriços” (sacos de tecido cheios de areia). É incrível a diferença que estes pequenos gestos fazem – pode chegar a poupar 25% da energia consumida com o aquecimento!

3. Feche os quartos que não está a usar

Ter as portas das divisões fechadas previne que o ar circule livremente para o resto da casa, ajudando a conter numa área mais pequena o calor gerado.

4. Opte por cozinhar com o forno

O tempo frio é perfeito para fazer bolos e assados. Para além de potenciarem a sensação de conforto, podemos também aproveitar o calor do forno para aquecer a casa. Depois de o desligar, deixe a porta aberta para que o calor se propague.

5. Aposte na clássica botija de água quente

É uma forma de evitar aquela sensação horrível de lençóis frios, ao mesmo tempo que é a maneira mais simples e económica de se manter quente. E é portátil! 🙂

6. Use temporizadores no seu aquecimento central

Se tem a sorte de ter aquecimento central, uma óptima opção é poder programá-lo para ligar meia ou uma hora antes de acordar ou de chegar a casa. Assim, pode ajustá-lo para uma temperatura mais baixa, em vez de o ligar logo no máximo, o que vai fazer com que também economize dinheiro.

7. Encha as divisões de tapetes

Uma carpete vai, imediatamente, fazer com que fique tudo mais isolado, ao mesmo tempo que torna o espaço fique mais bonito e acolhedor. Jogar de uma forma criativa com padrões e sobreposições pode tornar o espaço ainda mais quentinho e original. E não se esqueça de que os tapetes também podem ser pendurados nas paredes! 

layered-rugs-warm-floor-via-smallspaces.about.com-56a889505f9b58b7d0f32550

8. Crie o seu cantinho confortável

Ter um sofá cheio de mantas e almofadas com cores quentes – daqueles com que se sonha durante os longos dias chuvosos e Inverno – é fundamental. Aposte em diferentes texturas e tecidos de cores quentes.

No final, o mais importante é aquecer as pessoas, mais do que aquecer a casa. Vista uma camisola, um robe quentinho, umas meias grossas, beba chávenas de chá umas atrás das outras – faça tudo o que está ao seu alcance para se sentir confortável! 🙂

E vocês? Que truques usam para tornarem a vossa casa mais quente nos meses mais frios?

Deixar uma resposta