Kitchen

Ideias para a PÁSCOA – organize um cook-off em família!

Se está à procura de uma alternativa ao almoço tradicional de Páscoa e concorda connosco quando afirmamos que há poucas coisas tão divertidas como uma pequena competição amigável, este artigo é para si!

Todos sabemos que a comida – quer seja comprá-la, confeccioná-la ou comê-la – é uma das coisas mais prazerosas da vida e uma das que mais aproxima as pessoas. Também sabemos que os jogos são uma forma única de promover convívio e diversão familiar, independentemente das idades. Porque não juntar estas duas actividades no fim-de-semana que aí vem? Organizar um cook-off (uma competição que tem o objectivo de averiguar quem consegue produzir as melhores iguarias) pode ser a desculpa perfeita para trazer toda a família para a cozinha e ter uma Páscoa diferente. Mas calma, não pense que é pêra doce – o caos pode instalar-se e a imagem idílica de toda a gente a rir e a descobrir os seus talentos culinários escondidos pode, rapidamente, transformar-se num inferno de tachos sujos. Veja as nossas dicas que ajudam a que tudo corra pelo melhor!

6-2

 

  1. Organizar o dia com o máximo de antecedência – há mil e uma ideias que pode adoptar, só tem de perceber qual é que se irá adequar melhor às dinâmicas da sua família. Preparar um desafio secreto, em que os concorrentes recebem ingredientes surpresa e têm de se desenvencilhar, pode parecer engraçado, mas numa família grande pode tornar-se demasiado confuso. O nosso conselho é tentar organizar tudo uns dias antes: a escolha do menu, dos membros de cada equipa, do júri, etc. Depois de decidir quais vão ser os pratos (veja o ponto 2), faça uma lista de compras e divida-a entre os convidados, para não ter demasiado peso nos seus ombros. Outro passo importante é imprimir as receitas e tê-las disponíveis para consulta – se quiser fazer um esforço extra, até as pode plastificar! Também é essencial definir as regras: vai haver um tempo limite? Todas as equipas vão cozinhar todas as receitas do menu ou o cook-off vai focar-se apenas em entradas, pratos principais ou sobremesas? Como vão ser feitas as votações? Só o sabor é que é avaliado ou a apresentação também conta?
  2. Decidir o menu – uma boa opção pode ser escolher um prato como estrela deste almoço, que servirá de tema para toda a festa. Na HomeLovers Mag, interessamo-nos muito por alimentação saudável (espreite aqui o artigo em que reunimos os produtos essenciais para ter na despensa, e aqui o texto sobre os benefícios que advêm de consumir alimentos biológicos na infância) e acreditamos que esta também pode ser a oportunidade ideal de introduzir hábitos diferentes, como quem não quer a coisa. 😉 Pode consultar as nossas sugestões no final do artigo. Faça o que fizer, tente incluir o maior número de concorrentes nesta decisão, assim todos se vão sentir ainda mais motivados na hora H. Outro ponto a ter em conta é, claro, a dificuldade das receitas – não convém ter o tio que é um ás da culinária a fazer arroz branco (apesar de acreditarmos que iria ficar delicioso!) ou a sobrinha que nunca fritou um ovo a preparar pratos complexos. Claro que as equipas se vão organizar como bem entenderem, mas tente prever o máximo possível a frustração que poderá surgir.
  3. Tratar bem os chefs – esta é, provavelmente, uma das poucas vezes que vai pedir aos seus convidados para fazer a maior parte da comida e, por isso, pode parecer que vai poder relaxar. Nada disso! 😀 Enquanto cozinham, as equipas vão ter as barrigas vazias e barrigas vazias, já se sabe, podem dar azo a maus humores… o que, tendo em conta que estamos a juntar família e competição, pode ser letal! Estamos a exagerar, claro, mas isto serve para se preparar para não descurar este ponto e ter alguns petiscos disponíveis.
  4. Preparar o terreno de combate – pense na melhor forma de cada um ter espaço suficiente para preparar e confeccionar a sua parte. Lidar com uma cozinha pequena apinhada de gente pode ser problemático! Nestes casos, tente optar por um menu que possa ser preparado de antemão e que cada grupo ocupe a cozinha em alturas diferentes, para evitar grandes confusões.
  5. Pensar na limpeza – tente incutir a regra de haver alguém responsável por ir dando um jeito à cozinha à medida em que os preparativos acontecem. Avisamos já: vai ser difícil encontrar voluntários, por isso prepare-se para essa incumbência sobrar para si. Outra técnica (que juramos já ter resultado no passado) é transformar o cook-off em clean-off e usar as mesmas equipas para limpar a confusão, ainda em ambiente de competição!
  6. Premiar os vencedores – o que conta é participar, já se sabe, mas não é uma verdadeira competição se não houver entrega de prémios, certo? Pode dar asas à imaginação ou seguir o nosso conselho e oferecer estas colheres de pau na imagem abaixo. Veja como fazer aqui.

Chili-Bowl-Cook-Off-AwardsEDITED_websize

Para facilitar (ainda mais) a vida dos nossos leitores, reunimos algumas receitas saudáveis para tornar este cook-off ainda mais interessante:

ENTRADAS

Húmus

Creme de abóbora com crumble de avelãs

PRATOS PRINCIPAIS

Perna de borrego assada com crosta de pistácios

Quiche de espinafres, queijo de cabra e batata doce

Tofu no forno com vegetais

SOBREMESAS

Ovos da Páscoa

Folar

Ninhos da Páscoa (na imagem)

b2-4-2518318896-1522344149519.jpg

Agora é pôr mãos à obra. Boa sorte e boa Páscoa!

Deixar uma resposta