Inside

Japandi – minimalista, funcional e acolhedor

O mundo do design de interiores nunca mais foi o mesmo depois da descoberta deste estilo que combina a simplicidade e a elegância como poucos!

O Japandi junta as estéticas de dois conhecidos estilos de design, o Japonês e o Escandinavo. Apesar de estarem em pontos opostos da terra, a verdade é que partilham princípios similares no que diz respeito ao minimalismo. O que o Japandi faz é juntar as linhas simples e tranquilidade rústica do estilo escandinavo, com a elegância tradicional do Japão. Combinar o melhor dos dois mundos, confere aos espaços a magia de encontrar magia nas imperfeições (própria do wabi-sabi de que já falámos aqui) e o conforto do ‘hygge’, de que também já falámos aqui. Enfatizar a importância da função dos espaços está na base deste estilo. A simplicidade está em apostar em poucas peças-chave, em detrimento de um décor mais exagerado.

Então, como recriar o estilo Japandi? Vamos por pontos!

Pense nas cores

A palete de cores é, sem dúvida, o ponto mais importante. Mergulhe nos tons neutros, pastéis e não se esqueça do greige, um dos nossos favoritos!

Não tenha medo de misturar

O mobiliário típico dos estilos escandinavo e japonês é feito com linhas simples e respeita, acima de tudo, a funcionalidade. Apesar disso, há algumas diferenças, quer nos tons usados (mais claros no escandinavo e mais escuros no japonês), quer nas formas mais curvas ou mais direitas. Tente misturar sempre estes dois estilos sem medos, vai criar mais intensidade e variedade.

japas

Pratique o desapego

Como já referimos, o Japandi é sinónimo de minimalismo. Crie espaços arrumados, onde consiga circular à vontade, com poucas peças. Também não deve exagerar nos acessórios ou outros objectos de decorativo. Escolha sempre qualidade em vez de quantidade.

Nunca mas nunca se esqueça das plantas

O verde tem, obrigatoriamente, de fazer parte do Japandi. Lembre-se que este é um estilo influenciado pela cultura Zen. A ideia não é criar uma floresta, mas sim ter elementos arrojados que atraem a atenção para si. Um bonsai, por exemplo, fica sempre bem!

japandibonsai

Deixar uma resposta